Facebook Pixel Verdades e Mitos sobre o uso de lentes de contatos! – e-lens

Verdades e Mitos sobre o uso de lentes de contatos!

Verdades e Mitos sobre o uso de lentes de contatos!

Visão não é brincadeira!

Precisamos sempre tomar os cuidados mais indicados pelos médicos para garantir que nossa visão não sofrerá nenhum comprometimento. E, se você usa lentes, um dos cuidados mais importantes é informar-se sobre as verdades e mitos sobre o uso de lentes de contato.

Vamos conferir alguns exemplos?

1. Lentes de contato são todas as iguais.
MITO – Existem diferentes tipos de lentes de contato, cada uma adequada a diferentes necessidades e diferentes hábitos de troca. Existem lentes rígidas, gelatinosas e híbridas.

2. Pode passar maquiagem usando lentes de contato.
VERDADE – Sem problemas! Basta colocar as lentes antes de começar a aplicar a maquiagem e, no momento de remover os produtos, tirar as lentes primeiro também.

3. É adequado utilizar soro fisiológico para limpar as lentes de contato.
MITO – Soros fisiológicos não possuem os agentes de limpeza adequados para desinfetar o material e lubrificá-lo conforme a necessidade. O ideal é utilizar soluções específicas.

4. Não é prejudicial dormir usando as lentes de contato.
MITO – Na verdade dormir com as lentes de contato aplicadas pode machucar a córnea, pois, estando de olhos fechados, diminui o fluxo de oxigênio por meio das lágrimas. Retirar as lentes antes de dormir é essencial.

5. Lentes de contato podem provocar infecções nos olhos.
VERDADE – Problemas causados por uso de lentes de contato são raros, porém, é possível. Se houver negligência nos cuidados com higienização e aplicação/remoção, é possível que ao utilizar lentes prejudicadas, seus olhos sejam prejudicados também. Para evitar essa possibilidade, o ideal é seguir as recomendações de cuidados.

6. Lentes de contato podem se perder dentro dos olhos.
MITO – É impossível o deslocamento das lentes de contato, quando aplicadas corretamente, porque a conjuntiva é revestida com uma membrana transparente que a segura. Uma vez aplica, ela não se mexe.

 

Fonte: Conselho Brasileiro de Oftalmologia – http://www.cbo.net.br/

Artigos Relacionados