Facebook Pixel Como funcionam as lentes rígidas e quem pode usá-las? – e-lens

Como funcionam as lentes rígidas e quem pode usá-las?

Como funcionam as lentes rígidas e quem pode usá-las?

É fato que as lentes de contato facilitam a vida de quem precisa corrigir a visão de um modo prático e discreto. Elas são fáceis de usar e manusear, e precisam apenas de alguns cuidados na manutenção. Embora também existam as do tipo gelatinosas, hoje vamos falar das lentes rígidas!

Enquanto algumas pessoas não gostam de usar óculos e não se adaptam a eles e, por isso, recorrem às lentes, outras precisam utilizá-las para o tratamento de problemas oculares que somente elas são capazes de estabilizar.

Quer saber mais sobre as lentes de contato rígidas e para quem elas são indicadas? Então, continue lendo! É sobre isso que vamos falar neste post!

O que são e como funcionam as lentes rígidas?

As lentes de contato rígidas são feitas a partir de materiais que podem variar de acordo com as marcas, mas que não lembram em nada as feitas de acrílico originalmente, pois permitem maior oxigenação dos olhos e menor desconforto.

Antigamente, o incômodo causado por esse tipo de lente era comum. No entanto, com as novas tecnologias de fabricação, elas não machucam desde que sejam bem cuidadas e colocadas adequadamente. As lentes rígidas são duráveis, fáceis de colocar e de manter. Além disso, permitem uma visão bem nítida!

Para quais casos elas são indicadas?

Muitos usuários de lentes de contato preferem as gelatinosas, porém, em alguns casos, somente a lente rígida é recomendada, como em casos de altos graus de ametropia e de ceratocone.

O ceratocone é uma doença hereditária que provoca alteração no formato da córnea, que fica parecendo um cone. Nesse caso, o uso da lente rígida regulariza a superfície da córnea, melhorando a visão. É importante lembrar que não há cura, e se o paciente deixar de usar as lentes não vai enxergar bem.

Certos casos de astigmatismo e de miopia também são indicações para lentes rígidas, já que as do tipo gelatinosas não corrigem os graus mais elevados por conta da espessura. Em qualquer situação, é extremamente importante consultar o médico oftalmologista para que ele prescreva a lente ideal para o caso!

Quais são os cuidados com as lentes rígidas?

Em primeiro lugar, qualquer tipo de lente precisa de adaptação adequada e de acompanhamento oftalmológico. Só assim você garante que problemas originados do mau uso das lentes não ocorrerão.

A seguir, temos algumas dicas de boas condutas na utilização das lentes rígidas:

  • nunca durma com as lentes elas atrapalham a oxigenação da córnea e podem provocar cortes no globo ocular;
  • não tome banho com elas (chuveiro, mar, piscina e outros);
  • sempre as manuseie com as mãos bem limpas;
  • higienize as lentes com solução de limpeza multiuso específica para lentes rígidas;
  • coloque-as antes de começar a se maquiar;
  • respeite o prazo de validade indicado pelo fabricante;
  • limpe os estojos de lentes sempre que elas não estiverem dentro e troque-os periodicamente, de preferência de 3 em 3 meses.

As lentes rígidas foram as primeiras a serem produzidas, e hoje são muito mais confortáveis que antes. Para garantir o uso saudável, é preciso tomar os devidos cuidados com a manutenção delas! Porém, se você não tem necessidade especiais que sejam necessárias as lentes rígidas, opte pelas lentes gelatinosas. Além de serem mais baratas, são mais confortáveis e fáceis de usar e cuidar. Fale com seu oftalmologista e acesse nossa loja virtual. Lá você encontrará suas lentes de contato, soluções de limpeza e acessórios!

Artigos Relacionados