Facebook Pixel Cachorro idoso precisa de lentes de contato após perder a visão – e-lens

Cachorro idoso precisa de lentes de contato após perder a visão

Cachorro idoso precisa de lentes de contato após perder a visão

Não é fácil a vida de um cachorro idoso. A pit bull idosa Gremlin perdeu a visão após complicações em uma cirurgia de catarata. Por conta disso, ela batia em paredes, tropeçava, não brincava mais com seu irmão Sam e, pior ainda, se assustava quando alguém passava por perto.

“Era horrível ver aquilo,” conta a dona da Gremlin, Mariesa Hughes, em entrevista ao site The Dodo. “E parecia que ela começou a dormir muito mais do que antes”.

Causada por diabetes, trauma ou genética, a catarata ocorre quando a parte normalmente transparente do cristalino dos olhos se torna embaçada, dificultando a visão. Se não for tratada, pode causar dores e até se transformar em glaucoma, que pode levar à cegueira. A cirurgia tradicional para remover a catarata envolve o implante cirúrgico de lentes artificiais na córnea.

Pouco tempo após a operação, Chris e Mariesa Hughes perceberam que a cadela estava sentindo um desconforto muito maior do que o esperado. Na manhã seguinte, Gremlin havia perdido a visão do olho direito e quase não enxergava mais pelo olho esquerdo. Mais tarde foi determinada a causa: muita pressão acumulada nos nervos óticos da cadela após a cirurgia.

Crédito: Mariesa Hughes

O casal, desesperado para ver Gremlin melhor, recorreram à oftalmologista veterinária Petra Lackner, que havia cuidado da pit bull depois da cirurgia.

Ela conhecia lentes de contato especialmente feitas para cachorros, ao custo de 200 dólares por lente, mas sabia que esse era um valor muito alto para a família Hughes, que se dedica a cuidar de cães com necessidades especiais através de sua ONG The Mr. Mo Project

Procurando uma solução alternativa, a Dra. Lackner encomendou lentes de contato humanas de graus altos. Dispostos a tentar de tudo para melhorar a qualidade de vida de Gremlin, os Hughes aceitaram usar lentes humanas na pit bull.

O resultado foi incrível. “Acho que todos estávamos com lágrimas nos olhos quando ela olhou para cima, como se estivesse saindo de um transe, e saiu correndo!”, lembra a oftalmologista veterinária. “Ainda tenho arrepios só de lembrar”.

“Desde que ela colocou as lentes, não bateu em mais nada”, Hughes disse. “Ela não se assusta mais quando os outros cães andam perto dela e encontrou seu pote de água sem pisar dentro dele e derramar toda a água”.

Faça como os Hughes e cuide da sua família. Consulte um oftalmologista regularmente e adquira lentes de contato em e-lens.com.br.

Crédito: Mariesa Hughes

Fonte: The Dodo

Artigos Relacionados