Facebook Pixel Miopia e astigmatismo: qual a diferença como corrigir – e-lens

Miopia e astigmatismo: qual a diferença como corrigir

miopia e astigmatismo

Miopia e astigmatismo: qual a diferença como corrigir

Se tem uma coisa que gera muitas dúvidas é qual é a diferença entre os problemas de visão. Miopia e astigmatismo, por exemplo, costumam ser bastante confundidos.

Mas, além de serem diferentes, essas duas ametropias podem acontecer ao mesmo tempo na mesma pessoa. Para diagnosticar qualquer um desses problemas é necessário uma consulta ao oftalmologista.

Só esse profissional será capaz de indicar o tratamento correto tanto para a miopia, quanto para o astigmatismo, e também para quem tem os dois ao mesmo tempo.

Para entender mais o que acontece com quem é míope ou astigmata e o que fazer caso você tenha essas duas condições, continue lendo.

Miopia e astigmatismo: qual a diferença?

Mas afinal, miopia e astigmatismo são mesmo tão diferentes? A confusão causada por essas duas ametropias até faz um pouco de sentido.

Isso porque nos dois casos a pessoa sente uma dificuldade para enxergar objetos que estão mais distantes dela. Assim, ao visualizar algo longe, tanto quem tem miopia quanto quem tem astigmatismo costuma ver uma imagem sem nitidez e muitas vezes não consegue decifrar exatamente o que está vendo. 

Quando pensamos no trânsito, por exemplo, é normal que míopes e astigmatas reclamem de não conseguir ler placas muito à frente do carro.

No entanto, mesmo tendo esse sintoma em comum, esses dois problemas têm causas bem diferentes. Além disso, os sintomas da miopia e do astigmatismo também variam um pouco. 

Para entender exatamente qual a diferença, o melhor é conhecer esses dois erros refrativos.

miopia e astigmatismo

O que é miopia

A miopia é um erro refrativo que acontece quando o olho forma a imagem à frente da retina e não sobre ela. Assim, ao visualizar um objeto distante, o nosso cérebro não consegue localizá-lo corretamente, resultando em uma visão desfocada.

 Isso pode ocorrer por três motivos principais:

  • quando o olho é mais longo que o normal;
  • quando a córnea é mais curva em relação ao comprimento;
  • ou quando o cristalino é mais grosso.

Normalmente a miopia está relacionada a fatores genéticos. Mas, atualmente existem estudos que afirmam que o excesso de exposição a telas pode ser uma causa da miopia.

Os principais sintomas que um míope apresenta são:

  • Dificuldade para ver objetos distantes
  • Dores de cabeça
  • Lacrimejamento
  • Necessidade de forçar a visão

O que é astigmatismo

O astigmatismo é um erro de refração que distorce as imagens ao dificultar que as pessoas tenham foco na visão. Diferentemente da miopia, esse problema ocorre devido a irregularidades na córnea da pessoa.

Assim, quando um astigmata visualiza um objeto os raios de luz que entram nos olhos para formar a imagem chegam de diversos pontos, formando uma imagem borrada ou duplicada na retina.

Isso pode acontecer tanto com objetos próximos, quanto mais distantes, por isso muitas vezes é confundido com miopia e hipermetropia.

As causas do astigmatismo são desconhecidas, mas normalmente a pessoa já nasce com essa condição, que pode progredir ao longo da vida. Também é possível perceber o desenvolvimento do astigmatismo em quem tem doenças como ceratocone ou pterígio, por exemplo.

Os principais sintomas de quem tem astigmatismo são:

  • Visão desfocada
  • Imagens duplicadas
  • Dores de cabeça
  • Mais dificuldade para ver a noite

É possível ter astigmatismo e miopia ao mesmo tempo?

Embora tenham alguns sintomas em comum, já deu para perceber que as causas da miopia e do astigmatismo são diferentes. Assim, nem sempre quem sofre com uma dessas condições irá desenvolver a outra.

No entanto, é sim possível ter miopia e astigmatismo ao mesmo tempo.  Como são causados por diferentes problemas nos olhos, é possível acontecer de uma pessoa que tem o olho mais alongado também apresentar irregularidades na córnea que causam o astigmatismo.

Também existem pessoas astigmatas que tem hipermetropia, que é a dificuldade de enxergar os objetos próximos.

Como corrigir miopia e astigmatismo

Sabemos que pode parecer assustador ter dois problemas de visão diferentes nos olhos. Mas, o lado positivo é que atualmente existem diversas formas de tratar o astigmatismo e a miopia.

O mais importante é procurar um oftalmologista para que ele faça um diagnóstico correto e então indique o melhor tratamento para você.

O mais comum é que as pessoas que têm necessidade de correção visual recorram aos óculos de grau. No entanto, embora eles sejam capazes de corrigir a visão, nem sempre esses acessórios são práticos.

Quem tem um dia a dia corrido, pode se incomodar de ter que ficar o tempo todo utilizando uma armação para poder ver nitidamente. Para essas pessoas, a melhor opção é procurar uma lente de contato.

E sim, é possível encontrar lentes de contato que são capazes de corrigir a miopia e o astigmatismo ao mesmo tempo. 

Lentes de contato para astigmatismo e miopia

Quem tem apenas miopia ou hipermetropia pode recorrer a uma lente esférica que irá corrigir o problema. Porém quem tem astigmatismo precisa optar por lentes de contato tóricas.

As lentes tóricas são capazes de corrigir o erro refrativo produzido pelo astigmatismo porque ajustam a irregularidade da córnea no eixo em que isso acontece. Por isso, essas lentes são super personalizadas para cada pessoa.

Outra vantagem das lentes tóricas é que é possível combinar a correção do astigmatismo com a correção da miopia ou da hipermetropia.

Assim, essas lentes são capazes de corrigir miopia e astigmatismo ao mesmo tempo.

Caso você prefira utilizar lentes de contato ao invés de óculos de grau, é importante conversar com seu médico para entender qual a melhor opção de lente para o seu caso. Ele também irá te passar uma receita com todos os dados que devem ser preenchidos ao comprar a lente.

Se você já tem a sua receita em mãos, é possível comprar suas lentes online, sem sair de casa. Na e-lens você encontra as melhores marcas de lentes de contato para miopia e astigmatismo. 

Basta acessar o site e procurar a marca recomendada pelo seu oftalmologista e então preencher os parâmetros indicados na receita e finalizar sua compra.