Facebook Pixel Daltonismo: Saiba o que é e como identificá-lo – e-lens

Daltonismo: Saiba o que é e como identificá-lo

Daltonismo: Saiba o que é e como identificá-lo

O daltonismo é uma capacidade reduzida de distinguir entre cores quando comparada ao padrão para visão normal das cores. Quando uma pessoa é daltônica, também chamada de deficiência de visão cromática, geralmente tem dificuldade em distinguir entre certas cores como amarelo e laranja, verde e marrom, rosa e cinza, azul e roxo. 

Normalmente, o daltonismo é hereditário, não há cura, porém a maioria das pessoas que têm daltonismo são capazes de se ajustar e não têm problemas com as atividades diárias. Os homens têm um risco maior do que as mulheres de apresentar daltonismo.

Em casos muito raros, uma pessoa pode ser completamente daltônica, o que significa que ela vê apenas a intensidade da luz, mas não sua cor. Isto é chamado acromatopsia. 

A acromatopsia pode ser hereditária, mas também pode resultar de algumas doenças progressivas dos olhos. 

Em resumo, há muitos tipos e graus do que pode ser considerado daltonismo, variando de parcial a total ausência da diferenciação de cores.

 

Teste Para Detectar o Daltonismo

 

O teste inicial para detectar o daltonismo é bem simples, conhecido como teste de Ishihara. O oftalmologista mostra um círculo feito de muitos pontos de cores diferentes. Este teste verifica a falta de identificação de cor vermelho-verde. 

O círculo tem uma forma dentro dele que é feita de pontos, como um número, uma letra, ou uma linha de rabisco. Esta forma é fácil de ver se você não tem daltonismo, mas para quem apresenta daltonismo tem dificuldade em identificar as formas. Veja o exemplo do teste de Ishihara:

 

 

Existem outros testes aplicados, como o teste de cor de Cambridge. É muito parecido com o teste de Ishihara, porém o exame consiste em olhar para uma tela de computador e tentar encontrar uma forma em “C” com uma cor diferente do fundo. Ele aparece ao acaso. Quando detectado, é necessário pressionar uma das quatro teclas disponíveis.

Ainda tem o teste com o anomaloscópio que consiste em olhar através de uma ocular e identificar um círculo. A metade superior do círculo é uma luz amarela. A metade inferior é formada por luzes vermelhas e verdes. Deve-se girar os botões até que ambas as metades sejam da mesma cor e brilho. 

 

Como Tratar o Daltonismo

 

Nos últimos anos os cientistas vêm desenvolvendo algumas soluções para correção do daltonismo, como os óculos que bloqueiam certos comprimentos de onda de luz. Isto aumenta a capacidade do usuário de detectar o vermelho e o verde. 

O desenvolvimento de lentes de contato para corrigir o daltonismo ainda é menos avançado. No entanto, há algumas lentes de contato novas que podem fazer o mesmo efeito que os óculos. É provável que dentro de alguns anos elas sejam tão fáceis de obter como qualquer outro tipo de lentes de contato. 

Os oftalmologistas afirmam que muitas pessoas com daltonismo desenvolvem seu próprio sistema para ver cores ou aprendem a identificá-las de outras maneiras, como diferenciar pelo brilho e localização, por exemplo.

Não existe nenhuma contraindicação para quem tem daltonismo em usar lentes de contato para correção de grau ou ainda usar óculos de sol, pois estes são indispensáveis para a proteção contra os raios nocivos do sol.

 

Gostou de saber mais sobre o daltonismo? Aproveite e visite outros artigos do nosso blog!

Artigos Relacionados